16 de out de 2009

...



Hoje como é sexta vou conversar sobre um assunto que faz parte da minha vida, acho que desde pequeninha, porque amo arte, adorava colocar minha mão em uma folha e desenhá-la, fazia altos desenhos dentro daquela tão pequenina mão.... heheeheh ,pois é aí fui crescendo e a minha vontade de pintar já não cabia mais dentro daquela mãozinha minúscula!

Vocês já ouviram falar sobre artes em postais, pois é uma curiosidade bem interessante pra mim né, porque quando adolescente, ainda não existia o sistema de e-mail e nem tão pouco o computador... éeeeeee sou das antigas, heheh...era tudo por carta e eu adorava escrever e tinha que ver as minhas cartas, e a dos meus amigos, eram super criativas, eu pegava a revista capricho que tinha desenhos muitos fofos, fazia montagens nos envelopes e lá se ia a minha arte junto com a carta, amava fazer isso!!!! Pena que eu não tenho as minhas cartas pra mostrar pra vocês, vou postar aqui umas que eu recebi de amigos.

Bom mais voltando ao assunto sobre os postais, na década de 1960, correspondências trocadas entre artistas plásticos deram origem a mais uma forma de expressão da arte contemporânea: a arte postal (mail art).

A mail art consistia em trocar mensagens criativas utilizando o sistema de correios. Ela surgiu como uma alternativa aos meios convencionais das exposições de arte (Bienais, Salões, etc.) A arte postal se caracteriza por ser um meio de expressão livre, no qual envelopes, telegramas, selos ou carimbos postais são alguns dos suportes em que é possível a expressão da sensibilidade. Os artistas utilizam, principalmente, técnicas como colagens, fotografia, escrita ou pintura. A única limitação real à utilização de diferentes técnicas e suportes é a possibilidade de envio dos trabalhos pelo correio. (é teve uma das minhas que até voltou).

Pois é e hoje em dia? Quase não escrevemos ou recebemos mais cartas, não é mesmo? Então, como esse tipo de expressão artística sobreviveria no mundo da não correspondência de papel? nos anos 90, a arte postal iniciou seu diálogo com as novas mídias. E foi na internet que os artistas encontraram um meio privilegiado para novas experimentações, inaugurando novas poéticas, novos canais de participação, de mobilização e de divulgação da arte postal.

Quer saber mais aqui


bom é isso...

bom findi!!!


Um comentário:

  1. Gente do céu como isso aqui tá bonito! Adorei tudo Mózinha! Adorei os laços do outro post (adoro laços e babados), adorei as cartinhas...já até enviei cartinha prá ti né...e vai outra logo, logo. Bom final de semana meu amor...estamos por aqui...feliz feliz! Beijokas.

    ResponderExcluir